Você se permite merecer?

Você se permite merecer?

Quando sabemos o que merecemos e nos concedemos isso, aprendemos a priorizar um pouco mais a nós mesmos e obtemos o que realmente precisamos. Não é magia, nem é o universo tecendo suas leis da atração. É nossa própria vontade para sermos felizes, para tomarmos as rédeas de nossa vida…

 “Quando você se der tudo o que merece, ao se tornar a melhor versão de si mesmo, obterá o que precisa.”

Comece consigo mesmo. Seja a pessoa que gostaria de ter ao seu lado, aquela que merece te acompanhar nos passos de sua vida. No final, alguém vai se encaixar com você.

É possível que você tenha pensado também que merece alguém que goste de você, que o reconheçam um pouco mais. Você costuma se esforçar muito pelos demais e nem sempre eles veem todas as suas renúncias.

O novo!

Não tenha medo do novo. Por incrível que pareça, o medo do novo é mais comum do que se pensa. As pessoas sentem medo de se lançar numa nova carreira, em mudar de emprego e até mesmo de conhecer alguém. No entanto, saber lidar com essas surpresas e obstáculos da vida é da natureza do ser humano — e cada um de nós lida da forma que acha melhor. Mas lembre-se de que será essa forma de lidar que determinará a sua maneira de viver.

Descubra o seu eu interior. Tire um descanso para pensar mais sobre você. Quem você é? O que você quer para a sua vida? Descubra-se interiormente e use seus potenciais de maneira positiva. Todos, em nosso interior, sabemos o que merecemos. No entanto, reconhecê-lo é algo que pode ser difícil porque pensamos que esta pode ser uma atitude egoísta.

 Priorizar-se não é egoísmo

Não devemos nos enganar, porque nos priorizarmos um pouco mais não é uma atitude egoísta. É uma necessidade vital, é poder crescer interiormente para sermos felizes.

Por muitas vezes tentamos não chamar atenção, não fazer barulho e não ocupar muito espaço para que o outro não se sinta desconfortável. E, assim, a culpa por causar esse desconforto não venha.

Tentamos nos mostrar “menores” para que os outros se sintam melhores. Para, assim, evitarmos ser chamadas de arrogantes, esnobes, petulantes.

Percebe a loucura que é isso? Percebe o tamanho do problema? Porque se não conseguimos sequer aceitar elogios sem abaixar a cabeça, como iremos acreditar que merecemos tudo aquilo pelo qual lutamos?

Muitas de nós sequer entendem que está tudo bem querer mais, que não é errado não se conformar com pouco, com menos do que a gente quer ou sonha.

Que sermos honestas com nós mesmas, pensarmos mais em nós, fazermos mais por nós e acreditarmos que merecemos sim, e merecemos o melhor, é o óbvio, o natural.

Você não tem culpa de merecer tantas coisas incríveis. Você tem é mérito. E você não só deve se permitir merecer, mas se dar o que merece.

Todos merecemos deixar de ser prisioneiros do sofrimento, de nossas próprias atitudes limitantes. Abra os olhos ao seu interior, decifre suas necessidades, escute a sua voz. No momento em que você se permitir o que merece, conseguirá chegar ao que precisa.

 

 

Deixe seu comentário

Add Comment