Sem os R$ 150 milhões

Home Sem os R$ 150 milhões

Saúde

Sem os R$ 150 milhões,

mas ainda com esperanças de recursos

Depois da grande movimentação da comitiva canoense para convencer os deputados gaúchos a liberarem R$ 150 milhões em emendas parlamentares para serem usados na saúde de Canoas.

O prefeito Busato, disse que as negociações ocorreram da melhor forma possível, mas que o pleito de R$ 150 milhões fica inviável dentro do quadro calamitoso da saúde no Rio Grande do Sul. De acordo com o prefeito, estavam todos os municípios do estado com o mesmo tema, que é a dificuldade na área da saúde.

Busato ressaltou ainda, que não existem mais condições de suportar a tabela do SUS, pois ela está a 20 anos defasada e foi isso que foi passado para a bancada gaúcha na Câmara Federal. Falou, que estavam todos os municípios pedindo dinheiro para a saúde, porque é a grande a dificuldade que todos nós temos. E Canoas não é diferente, pois a cidade não é uma ilha isolada, o problema é generalizado. Citou o Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre, que lá estava pedindo dinheiro para reformas, porque eles não conseguem mais suportar os custos. “Se Porto Alegre está nessa situação, imagina nós, o Pronto Socorro faz 250 cirurgias por mês e nós fazemos mais de 600 no mesmo período”, completou o prefeito.

Busato não perdeu as esperanças e acha que os deputados entenderam o pleito pedido e espera que Canoas ainda possa contar com um bom montante de recursos para a saúde. Não aquilo que foi inicialmente pedido, mas um bom recurso e que possa amenizar a situação da saúde em nosso município.

O prefeito disse que amanhã vai continuar as visitas nas bancadas e falar com quem ainda não havia falado e assim conseguir convencer o maior número possíveis de deputados e senadores para ajudar Canoas.

Nossa página

https://www.facebook.com/noticiasdaaldeiacanoas/

Acesse nosso Grupo

https://chat.whatsapp.com/FqF4mJWVmKA8agL5y0OCGC


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/pensereal/public_html/wp-includes/functions.php on line 4609